15 IMAGENS QUE REVELAM NOSSA INSIGNIFICÂNCIA DIANTE DAS FORÇAS DA NATUREZA | Paulo Afonso Tem

15 IMAGENS QUE REVELAM NOSSA INSIGNIFICÂNCIA DIANTE DAS FORÇAS DA NATUREZA

Não há um ano que passe sem o registro de catástrofes naturais: são erupções vulcânicas que obrigam a saída imediata de populações dos lugares onde vivem, terremotos que danificam ou destroem inúmeras construções e tornados violentos que alteram a paisagem de uma hora para outra.

Apesar de a humanidade ter desenvolvido formas de prever e reduzir o impacto desses fenômenos, ela ainda não foi suficientemente capaz de deter o ímpeto das forças que regem a natureza. A seguir, você confere uma seleção incrível que nós preparamos com algumas provas disso:

1. O rio de lava que o vulcão Kilauea, no Havaí, expeliu depois de uma erupção

2. Em 2012, em Nova York, a intensidade do furacão Sandy chegou a danificar o guindaste desta construção

3. Relâmpagos vulcânicos durante a erupção do Eyjafjallajökull — um dos mais ativos da Islândia

4. Fenômeno conhecido como nuvem lenticular em registro feito sobre o Deserto de Alvord, nos Estados Unidos

5. A árvore que foi atingida em cheio por um raio

6. Uma tempestade 11 mil metros acima do oceano Pacífico

7. Abandonada, esta estrada agora faz parte do curso de um rio

8. Furacão Gonzalo, da temporada de ciclones tropicais de 2014, visto da Estação Espacial Internacional

9. Baiacu avistado no alto de uma árvore, após uma tempestade atingir a Nova Inglaterra, nos Estados Unidos

10. Isso é o que acontece quando uma tormenta encontra um tornado

11. Esta estrada no Japão, após um abalo sísmico, ficou totalmente destruída

12. O resultado da passagem de um tornado

13. Depois de ser arrancado pela força do vento, telhado atinge em cheio a rede de energia elétrica

14. Incêndio florestal fotografado no estado norte-americano da Califórnia, em 2017

15. Árvores caídas no chão após a passagem da tempestade Xavier, em 2017, na Alemanha

  Fonte: Mega curioso

Compartilhe esse artigo com seus amigos:

Curta-nos


Deixe uma resposta